O Processo de Prensagem de CD e DVD

Todo CD e DVD produzidos em uma gravadora passa por um processo aonde os dados serão gravados nestas mídias para as suas posteriores reproduções. Um destes processos utilizados é a prensagem.

A prensagem é fundamental para estas mídias funcionarem adequadamente em qualquer reprodutor. Aliás, sem a prensagem não é possível produzir qualquer CD ou DVD. Este procedimento é essencial para os resultados serem completamente funcionais.

Como Funciona a Prensagem de CD e DVD

A prensagem é um processo industrial com a finalidade de multiplicar a matriz do CD e DVD que deseja ser copiado. O inicio deste processo se dá a partir do envio das informações que serão gravadas.

Estas informações podem vir de outro CD, DVD, fita DLT ou mesmo em formatos digitais de arquivos. Assim o conteúdo pode ser masterizado. A masterização é um processo onde é gerado o disco Master ou Glass Master.
O Glass Master é um disco de vidro que possui diversos sulcos onde os dados binários serão gravados, os famosos 0 (zero) e 1 (um) que contém todas as informações que serão gravadas e reproduzidas posteriormente.

Depois deste disco é gerado outro componente também fundamental para o processo de prensagem. Este outro componente é chamado STAM-PEERS nele são gerados os negativos e positivos que vão para a injetora onde as cópias serão produzidas em policarbonato. O policarbonato é um tipo de plástico utilizado neste processo.
Estas são as etapas para a preparação dos dados e também dos materiais e equipamentos que serão utilizados para continuar o processo de prensagem.

Todos os CD e DVD passam por este procedimento para serem produzidos.
Estes são à base de toda a produção de cópias que as gravadoras e produtoras de mídias utilizam em seus departamentos de fabricação. Este procedimento garante o perfeito funcionamento dos discos gravados e a adequada reprodução nos leitores e reprodutores de mídias digitais.

Qualquer erro neste processo inutiliza completamente a cópia. Por isso é muito importante ser realizado adequadamente para não comprometer a escala da produção. Afinal de contas ninguém quer um CD ou DVD que não toque no seu aparelho.

A Segunda Etapa da Prensagem

Na segunda etapa da produção de cada mídia óptica ou simplesmente o disco ainda transparente passa pelo processo de metalização. Na metalização é adicionada a mídia óptica uma fina camada de metal espelhado. A função do espelhamento é refletir o laser para a leitura dos dados gravados.

Depois da metalização é adicionado um líquido protetor que praticamente enverniza a peça e o rótulo pode ser fixado com facilidade. O rótulo é impresso em um procedimento exclusivo chamado off-set ou silk screen que deve ser realizado após a metalização das cópias.
Todas estas etapas são completamente essenciais para o funcionamento correto de todas as cópias que sairão da injetora. Além disso, é imprescindível observar as normas de produção para cada tipo de mídia específica.

Depois de todo o procedimento realizado é possível enviar para a impressão de rótulos e depois embalar tudo em seus box com encartes impressos ou mesmo serem entregues sem embalagens dependendo das necessidades de cada cliente.

A produção dos CD e DVD é um processo complexo que envolve profissionais muito capacitados e equipamento muito modernos. Gostou deste artigo? Deixe seu comentário.